“A Assembleia Legislativa de Minas Gerais abre hoje as portas desse plenário para celebrar os 100 anos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas – campus Inconfidentes, com justo reconhecimento ao vigoroso trabalho desenvolvido durante sua trajetória de grandes conquistas em prol da educação. Estamos falando em um século de serviços prestados ao Brasil e à Minas Gerais, e que nos remete a uma profunda reflexão, agradecimento e sincera homenagem de todo povo mineiro. Mantendo-se sempre atual, na sua vanguarda, com propostas inovadoras”. Assim o 2º vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Dalmo Ribeiro, abriu a Reunião Especial, realizada no último dia 4, em homenagem à instituição de ensino centenária sediada no município de Inconfidentes.

A mesa de honra contou com o diretor-Geral do campus Inconfidentes, Miguel Angel Isaac Toledo del Pino; o reitor do IFSULDEMINAS, Marcelo Bregagnoli; o prefeito de Inconfidentes, Décio Bonamichi; o vereador de Inconfidentes André de Godoy; o superintendente de Ensino Superior, Euler Darlan Neves; o professor associado da Fundação Dom Cabral, Paulo Paiva; com o aluno Marcus Flávio de Carvalho Braga; o ex-aluno Nassau Alves Santiago e foi presidida pelo deputado Bonifácio Mourão. A homenagem reuniu ainda uma comitiva com cerca de setenta participantes, entre docentes, técnicos administrativos, aposentados, funcionários terceirizados, estagiários, alunos, egressos, além de representantes da Reitoria.

“Hoje é uma noite de comemoração e agradeço em nome do IFSULDEMINAS – campus Inconfidentes, de forma especial ao excelentíssimo senhor deputado Dalmo Ribeiro, pela homenagem hoje recebida, como também pela parceria de sempre”, agradeceu o diretor-Geral do Campus Inconfidentes, professor Miguel Angel Isaac Toledo del Pino.

“É motivo de muito orgulho ver que nossa Instituição está muito além apenas da formação técnica e tecnológica. Hoje, o Campus Inconfidentes tem uma atuação muito importante que vai além da região geográfica do Sul de Minas. Que os próximos 100 anos do IFSULDEMINAS – campus Inconfidentes sejam tão gloriosos quanto foram esses”, comemorou o reitor Marcelo Bregagnoli.

Histórico

Criado em 28 de fevereiro de 1918, pelo Decreto 12.893, o então ‘Patronato Agrícola Visconde de Mauá’ era vinculado ao Ministério da Agricultura, Indústria e Comércio. Tinha como objetivo oferecer instrução primária e cívica, além de noções práticas de agricultura, zootecnia e veterinária a menores desvalidos.

Ao longo de seus cem anos de existência passou por várias transformações que renderam novas nomenclaturas e perspectivas de educação técnica profissional para o campo. Em 1934 recebeu o nome de ‘Aprendizado Agrícola de Minas Gerais’, posteriormente, em 1950, transformou-se em ‘Escola Agrícola Visconde de Mauá’ e, em 1978, passou a ser a ‘Escola Agrotécnica Federal de Inconfidentes’ (EAFI).

No ano de 2008, a então EAFI passou por uma nova mudança a partir do Decreto 11.892, de 29 de dezembro do mesmo ano, que criava os Institutos Federais. Assim, passou a compor um dos campi do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais (IFSULDEMINAS).

Atualmente oferece formação profissional em nível médio, por meio de cursos técnicos integrados, e em nível superior, por meio de cursos tecnológicos, licenciaturas e bacharelados e pós-graduação.

Para finalizar a solenidade, o coral EnCanto, do campus Inconfidentes, fez uma apresentação especial, sob a regência de Roberto Mariano.

Veja em nossa página no Facebook mais fotos da Reunião Especial.