Notícias

Dalmo Ribeiro leva audiência pública a Cambuquira para debater desenvolvimento turístico do Circuito das Águas

29 abril 2014

cambuquira

O deputado estadual Dalmo Ribeiro (PSDB) conduziu na manhã e tarde de segunda-feira (28/4) uma Audiência Pública que solicitou para discutir as demandas do Circuito das Águas do Sul de Minas. O evento aconteceu na estância hidromineral de Cambuquira e reuniu políticos e entidades do setor, além dos membros da Comissão de Turismo, Indústria, Comércio e Cooperativismo da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, da qual o deputado participa e pela qual realizou a audiência.

 

As autoridades e entidades representativas do turismo e da Associação do Circuito das Águas do Sul de Minas convidadas para o evento pediram maior apoio do poder público à região: maior verba para o setor, revisão do ICMS turístico, mais incentivos do Governo Federal ao turismo do Sul de Minas, além de obras de infraestrutura para melhorar acesso ao Circuito Turístico das Águas.

 

Como providências em relação às demandas trazidas, Dalmo Ribeiro anunciou uma série de requerimentos que serão aprovados na próxima reunião da comissão que você pode conhecer abaixo:

 

ICMS TURÍSTICO – Em relação à revisão dos critérios do ICMS Turístico, o deputado Dalmo Ribeiro Silva propôs uma emenda a ser apresentada na Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária para mudar a atual legislação, além da realização de audiência pública sobre o tema.

 

PAC DO CIRCUITO DAS ÁGUAS – Outro requerimento, destinado ao Governo Federal e à bancada mineira no Congresso Nacional, é de criação de um PAC do Circuito das Águas.

 

MELHOR SINALIZAÇÃO DAS CIDADES DO SUL DE MINAS – O deputado vai solicitar melhoria da sinalização das cidades do Sul de Minas ao Instituto Estrada Real.

 

Dalmo Ribeiro também comentou uma pesquisa realizada pela Fundação João Pinheiro em 2013 que mostra a preferência dos turistas que vêm para a Copa no Brasil por conhecer, em Minas Gerais, as cidades históricas e as estâncias hidrominerais.

 

Convidados

 

Gustavo Pessoa Arrais, presidente do Circuito Turístico Serras Verdes do Sul de Minas

Arrais acredita que sem um aporte mínimo de recursos fica difícil a região competir com outros destinos turísticos. “Turismo hoje é um produto de consumo, e portanto, tem concorrência. Hoje Cambuquira não compete com São Lourenço ou outra cidade do circuito, e sim com Punta Cana, Nova York, que oferecem pacotes de viagens baratos e de ótima qualidade”, disse.

 

Joana Barros Pereira , diretora da Uemg no campus Campanha (Sul de Minas)

 

Elogiou a estadualização dessa unidade como um exemplo de boa política. “Presenciei um momento em que toda a Assembleia se uniu em prol da sociedade mineira. Isso também precisa ocorrer no setor de turismo regional”, defendeu. A superintendente abordou uma pesquisa sobre as necessidades dos turistas. De acordo com o levantamento, os turistas querem uma cidade limpa, bonita e bem sinalizada, além de um povo acolhedor e instruído, principalmente quanto aos atrativos turísticos locais.

 

Emerson Maciel, prefeito de Soledade de Minas

Também pediu o aumento de repasses do ICMS Turístico e do FPM para a região. “Recebemos R$ 350 mil do FPM neste mês. Só nossa folha de pagamento é R$ 400 mil. Que dinheiro vou investir no município?”, questionou.

 

Maria Dalva de Freitas, superintendente Regional de Ensino

Falou sobre iniciativas na área de educação voltadas para o turismo. Ela destacou os cursos de turismo e de alimentos oferecidos pela Escola Técnica de Caxambu. Também citou o projeto Reinventando o Ensino Médio, em que alunos recebem orientação para a escolha da profissão. Segundo ela, a maioria escolhe o turismo ou a comunicação aplicada ao turismo.

 

Também participaram da Audiência Pública o prefeito de Cambuquira, Evanderson Xavier; o vice-prefeito de Carmo de Minas, Antônio Gabriel de Castro; o jornalista e escritor Fernando Levenhagen, de Caxambu; a presidente da Associação do Circuito Turístico das Águas, Liliane Alves; o gerente regional da Copasa na região, Marco Aurélio Ribeiro; o gerente regional do Sebrae, Juliano Cornélio, entre outros.

 

CIRCUITO DAS ÁGUAS – Cambuquira integra a lista dos 11 municípios que fazem parte da Associação do Circuito Turístico das Águas. Os municípios de Baependi, Campanha, Carmo de Minas, Caxambu, Conceição do Rio Verde, Heliodora, Lambari, São Lourenço, Soledade de Minas e Três Corações são os demais. Um dos principais atrativos para o turista que procura as cidades do Circuito são as propriedades medicinais e terapêuticas das águas da região.

 

 

 

Autor: Assessoria de Imprensa

Fonte: Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais

Categorias de Notícias

Voltar ao topo