Notícias

Poços de Caldas celebra 30 anos de Diretas Já

19 novembro 2013

pocos-de-caldas

 

O PSDB celebrou ontem, segunda-feira (18/11), os 30 anos da assinatura do primeiro documento oficial das Diretas Já pelo então governador do Estado, Tancredo Neves e pelo então governador de São Paulo, Franco Montoro.

O evento aconteceu no Palace Hotel de Poços de Caldas e contou com a participação do deputado Dalmo Ribeiro, do senador Aécio Neves, do governador do Estado, Antonio Anastasia, do ex-presidente Frernando Henrique Cardoso, de oito governadores tucanos, deputados federais, estaduais, prefeitos, vereadores e principais lideranças políticas de vários estados.

Durante a comemoração, a legenda defendeu a autonomia e o fortalecimento dos estados e municípios, além de confirmar Aécio como nome para a corrida presidencial. “É gratificante participar da celebração dos 30 anos de um acontecimento tão representativo para o Brasil, reafirmando os princípios de cada um de nós e, acima de tudo, da legenda, com a liberdade, a ética e o compromisso com o povo brasileiro”, afirmou o deputado Dalmo Ribeiro.

O senador presidenciável pediu por um novo pacto federativo, que redistribua, de forma justa, os recursos entre União, estados e municípios. Aécio também rememorou ensinamentos do seu avô, Tancredo Neves e concluiu: “Não há governo de cooptação que vá nos vencer, porque temos a nossa consciência, responsabilidade e o talento para refundar a Federação. É por isso que vamos vencer as eleições para retomar a dignidade, a seriedade e a eficiência na vida pública brasileira”.

Além de Anastasia, estiveram presentes os governadores Geraldo Alckmin (São Paulo), Siqueira Campos (Tocantins), Teotônio Vilela (Alagoas), José Anchieta Jr. (Roraima), Beto Richa (Paraná), Simão Jatene (Pará) e Marconi Perillo (Goiás). Também participaram do evento o prefeito Maurício, de Ouro Fino, e os vereadores José Camilo, André Paulino, Cisso Braga, Daniel Igidio e o membro da Executiva Nacional da Juventude do PSDB, Felipe Ribeiro. A cerimônia contou com a simbólica interpretação do hino nacional pela cantora Fafá de Belém.

Autor: Assessoria de Imprensa

Categorias de Notícias

Voltar ao topo