Foi realizada, na tarde desta terça-feira (29/05), reunião entre o deputado Dalmo Ribeiro, o prefeito de Ouro Fino, Dr. Maurício, diretores da Santa Casa de Ouro Fino e representantes da Federação das Santas Casas de Minas Gerais (Federassantas) e da Santa Casa de Belo Horizonte.

No encontro, foram debatidos a situação e possíveis soluções para a crise financeira do hospital de Ouro Fino. Os diretores Carlão, Claudinei e Gilmar, acompanhados de Dalmo e Maurício, foram recebidos pela presidente da Federassantas, Kátia Rocha, e pelo provedor da Santa Casa de BH, Saulo Coelho.

“Foi uma reunião muito proveitosa. Diretores da Santa Casa de BH e da Federassantas apresentaram possibilidades de financiamento mais vantajosos para honrar o pagamento de funcionários e fornecedores, deram sugestões para a gestão da Santa Casa e se colocaram à disposição para assessorá-los no que for preciso”, afirmou Dalmo.

Uma das possibilidades apresentada durante a reunião foi de um financiamento utilizando recursos do BNDES e negociado junto à Caixa Econômica, com juros bem inferiores ao empréstimo atualmente contratado. Também foram apresentadas ferramentas que auxiliam na gestão das Santas Casas. A presidente da Federassantas, Kátia Rocha, as colocou à disposição de Ouro Fino.

Dívida estadual

Na reunião, a presidente da Federassantas também falou sobre a cobrança que vem fazendo, inclusive junto ao Ministério Público, para que o governo estadual cumpra suas obrigações e pague o que deve às Santas Casas de todo o Estado.

A dívida do governo do Estado com Ouro Fino supera os R$ 3 milhões, sendo R$ 280 mil apenas com a Santa Casa.